Concessões
Construção Pesada Industriais
Saneamento
Empreendimento Imobiliário
Limpeza Urbana
Auditorias Técnicas

 


Constitui-se num Plano de Negócios, com 3 (três) fases, abordados de forma mais ou menos semelhantes para os empreendimentos distintos com rodovia, construção e arrendamento de prédios, limpeza urbana, etc.

- CUSTO DOS INVESTIMENTOS E CUSTO OPERACIONAL, com levantamento das estruturas físicas da Rodovia (pontes, faixa de domínio, pavimento, construções, etc.) a partir dos quais estima-se os quantitativos de “Trabalhos Iniciais” de melhorias para permitir a Implantação das “Praças de Pedágio” e cobrança de pedágios.

Para os anos posteriores, são calculados os quantitativos e custos de sua “Conservação Periódica” e Restauração das Estruturas ou Renovação de Equipamentos para períodos de vida estimados. Da mesma forma , são calculados os custos operacionais das equipes e equipamentos de resgate mecânico e médico, operação das praças de pedágio, etc.

Fotos da implantação do pedágio da Concessionária Rota 116 ( RJ-116)

- CÁLCULO DAS RECEITAS - provenientes dos usuários da via, em função do tráfego e seu crescimento, outdoors, aluguel do uso da faixa de domínio para passagem de cabos de fibra óptica, etc.

Uma má avaliação nas taxas de crescimento do tráfego poderá inviabilizar o negócio, como vem ocorrendo na RJ 116, onde não se atingiu as taxas de crescimento esperadas e chuvas excepcionais como ocorreram em 2007, tem acrescido muito os investimentos previstos em contenções de aterros e cortes.

- PLANO DE NEGÓCIOS - De posse das receitas e despesas são calculados o fluxo de caixa, taxas de retorno dos investimentos e pay-back ou ano em que o fluxo passa a ser positivo.